sexta-feira, 22 de agosto de 2008

Amanhã faz 6 anos que a minha MÃE partiu!!!



Parece que foi ontem!! Tenho tantas saudades tuas Mami, fazes-nos tanta falta.
Existem momentos na minha vida que bacilo bastante, mas depois penso em ti e na força que me darias, ou melhor, que me dás e tudo volta ao normal. É certo que não me posso queixar. Estou rodeada de gente que gosta de mim e me ajuda bastante. O PAI, os meus irmãos, amigos, e nem imaginas tantos amigos que eu ganhei desde que fiquei doente. Ha, não leves a mal, mas tenho uma amiga muito especial, chama-se Laura e tem 65 anos. Trato-a por tu, tal e qual te tratava a ti. O Pai é que não achou piada, diz que não devia. Mas foi a Laura que quiz assim!!!!

Bem, amanhã vou ao cemitério, já não vou à muito tempo porque o Pai não acha bem. Mas vou sem ele saber. À noite vamos todos à missa como tu farias.

AMO-TE MUIIIIIIITO MAMI, estás sempre no meu coração e no meu pensamento.

14 comentários:

Querubim disse...

OLá Aida...sei como te sentes!
A minha vai fazer um ano para o mês que vem e ainda á pouco pensava nisso como o tempo voa...e a dôr não fica mais pequena.Ontem falava com a Laura sobre isso no messenger a dificuldade que tenho em aceitar esta perda, que me assombra todos os dias de saudade, recordações,de dôr,de rir quando Ela ria, de chorar quando Ela chorava,tenho-a tão presente em mim...

Beijinhos e bom fim de semana

Cinda disse...

Imagino como te sentes. Eu tenho a felicidade de ainda ter mãe e sei bem a falta que quando precisanos de colinho.
Nada a substitui, mas estamos aqui para te dar tudo o que tu precisares, todo o carinho, todo o mimo e colinho. Mas de certeza que Ela está lá em cima a olhar por ti e a dar-te toda a foça de que precisas.
Um beijo do tamanho do mundo. Sabes que gosto muito de ti.
Cinda

IsaLenca disse...

As pessoas realmente especiais estarão sempre presentes!
E nós andamos sempre por aqui com muita amizade.
Bjs

Nela disse...

*

Cristina J. disse...

*

Beijo grande Aida

de Bizet disse...

Sei bem o que é esse sentir.
Um beijinho.
Carmen.

Carla disse...

Um grande beijo, Aidinha querida...

laura disse...

*****

Ainda ontem escrevia, já nem sei a que menina do nosso grupo do coração, que eu pouco mais tinha por este meio da net, senão dar-vos um pouco de mimo, carinho e amizade sincera. Gostaria de fazer mais, se gostaria...
Como diria o poeta:
É fácil trocar palavras,
Dificil é interpretar os silêncios!
É fácil caminhar lado a lado,
Díficil é saber como se encontrar!
É fácil beijar o rosto,
Difícil é chegar ao coração!
É fácil apertar as mãos,
Difícil é reter o calor!
F. Pessoa

Agora pergunto: Sendo eu uma jovem na adolescência da 3ª idade, porque não tratarem-me por tu?Beijocas e obrigada pela amizade especial.
laura

Mimas disse...

E a minha mãe fazia anos no dia em que escreveste o post, dia 22! É assim a vida...

Beijocas Aidocas linda!

Mimas

Nela disse...

Aidinha,vai ao blog da Jen ver a descrição da ida ao Porto.
Beijinhos querida

Alda. disse...

*
Beijinho

Jen disse...

Yes, yes, come here... http://internalmemos.blogspot.com/

Kisses, many...

imel disse...

*
Eu também sei o que é perder a nossa mãe. Já lá vão 13 anos e esse vazio ninguem o preenche.

Mas enfim a vida segue em frente e nós com ela. Felizes nós porque temos uma familia e amigos que gostam muito de nós.

Um beijo do tamanho do Mundo pa ti!

Gatapininha disse...

Olá Aida, também eu sei o que é já não ter mãe, a minha partiu em Março e às vezes ainda penso que estou a viver um pesadelo!
Jokas e muita força para superares esta fase menos boa!